IPv6, um Anão Interativo e a Volta do CyanZine

Este mês de abril marca o retorno de um antigo projeto meu: uma revista digital gratuita sob creative commons. A última edição do CyanZine havia sido a edição 7, de abril de… 2012. Exatos 10 anos depois, a revista está de volta com uma nova proposta: agora a temática é o trio Literatura de Cordel, RPG e Ficção Especulativa.

O CyanZine será organizado em temporadas, sendo esta 8ª edição o início de sua segunda temporada, codinome Varmadum. A proposta é publicar nele os episódios da minha próxima novela de aventura – As Sementes do Mundo Inferior – à medida que as for publicando no Wattpad.

A primeira edição traz como destaque:

  • A Canção dos Reinos – falando um pouco do mundo ficcional onde se passará a novela As Sementes do Mundo Inferior;
  • O Cavalo que Defecava Dinheiro – cordel clássico de Leandro Gomes de Barros, editado e publicado aqui;
  • O Renascimento da Lenda – conto que apresenta um dos momentos mais importantes da história de Lampião Elétrico.
  • História do CyanZine – um apanhado geral, apresentando o projeto e seu histórico.

Esses são os destaques. Há mais conteúdo em suas 84 páginas diagramadas para celular! E a participação é bem-vinda, dentro do escopo temático. No final da edição há breves instruções para quem quiser participar também.

Você pode baixar a 8ª edição do CyanZine na Biblioteca Cordéis ou no Archive.

Cordel do IPv6

Exclusivamente na Amazon, este mês eu publico um cordel explicando o protocolo de internet IPv6. Em verso, tentando ser simples e explicativo, apesar de o conhecimento ser um pouco avançado.

Um Anão fora da Caverna

Este é mais um cordel interativo que se passa em Sete Ilhas. Dessa vez o leitor ajuda o anão Frassos a se situar depois que ele se perde da sua caravana ao deixar sua cidade subterrânea pela primeira vez na vida!

Está à venda na Amazon, no Google Play Livros e no Dungeonist.

Águas de Março de 22

Em março, 3 novos cordéis! Um deles é gratuito e os outros estão disponíveis na Amazon e/ou no Google Play Livros. Apoiadores podem ganhar um ou até os dois!

  • Partido do Coração – cordel de opinião homenageando Cazuza e tratando de Ideologia, partidos e política.
  • A Loba e a Medusa (Dungeonist, Amazon e Play Livros)- um cordel interativo! Você lê e toma decisões, conseguindo um final com base nessas escolhas. A história é em um mundo de fantasia medieval, protagonizada por Sora, um dos 6 personagens prontos do kit Primeira Aventura, publicado mês passado (mas você não precisa do kit para aproveitar o cordel).
  • Florestiotas (Biblioteca Cordéis e Play Livros) – nova versão de um cordel que trata de atualidade e meio ambiente na forma de uma fábula. Quando a floresta começa a ser destruída, os animais se reunem para decidir o que fazer, mas parece que a reunião está indo para um outro rumo…

Boa leitura!

Chromebook, RPG e Dragões

Após um período meio parado (dezembro-janeiro houve lançamento de uma novela de aventura e um conto), voltamos aos lançamentos mensais. Em fevereiro:

  • Cordel do Chromebook – cordel apresentando o chromebook e falando de suas vantagens e desvantagens.
  • Primeira Aventura – aventura completa para XR-III, em um livreto que inclui tudo o necessário: regras, ambientação e 6 personagens de jogador.
  • História de Juvenal e o Dragão – escrito por Leandro Gomes de Barros, a obra está em domínio público. Esta edição é exclusiva, com alguns pequenos ajustes. O ebook é gratuito e está disponível para todos no link desta postagem.

Como estamos sem colaborador este mês, não foi definido qual seria a recompensa de apoio. Qualquer uma das duas está à disposição para eventuais novos apoiadores.

As Sementes do Mundo Inferior

Concluída a votação para a escolha da próxima novela de aventura do Bardo! Uma história a ser escrita e publicada em episódios semanais.

O resultado desta votação foi o seguinte:

  1. Com 70% dos votos, As Sementes do Mundo Inferior
  2. Com 20% ficou Heróis da Pátria
  3. Com 10%, A Lenda de Flacho

Assim, já temos uma vencedora e vou me organizar para começar a escrever essa nova história.

Quanto à pesquisa que fiz no final da enquete, houve alguns resultados interessantes.

No quesito RPG, os tipos de conteúdos mais desejados são:

  • Ambientações criativas
  • Ambientações históricas

Os temas mais votados para cordel foram:

  • Romance de cordel
  • Temática de RPG

Os cordéis que mais merecem versão impressa:

  • A Lenda de Frushige
  • Galope Estelar

As novelas de aventura mais lidas foram 3, justamente a Trilogia Escarlate.

As novelas de aventura que mais despertam interesse de ter versão impressa foram:

  • Jasmim (já tem! :-D)
  • Trilogia Escarlate
  • O Último Mototáxi de Arapiraca

Planejando as Sementes

Sementes do Mundo Inferior será meu primeiro replay, que é a escrita de uma história a partir de aventuras de RPG jogadas. Devido ao jogo se passar em um mundo protegido por Copyright, com alguns personagens nessa mesma situação, será preciso fazer várias mudanças e adaptações.

A campanha, que se chama Vanguarda Audaz, é jogada em D&D 5ª edição no cenário do Senhor dos Anéis. Em especial, essa parte da aventura no subterrâneo se passa em um cenário menor criado pelo nosso mestre Iran e incorporado ao mundo de Arda.

Quanto às adaptações, pra começar o mundo onde a história se passa será transportado para Galdentur Norte. Isso deixa a saga próxima da saga Escarlate inclusive! Como Galdentur Norte ainda não está tão definido, será uma oportunidade também de expandir o cenário Canção dos Reinos.

O panteão tem um papel fundamental na história. Será substituído pelo panteão de Canção dos Reinos.

Como utilizamos o D&D para jogar, mas o cenário é pensado para XR-III, devo acelerar o plano que eu já tinha de ter um modo minimamente compatível, ligando esses dois sistemas. Já tenho algumas anotações a esse respeito, mas será preciso pelo menos um rascunho inicial para que eu possa utilizar como referência nessa escrita.

Falta definir elenco principal, fazer uma ou outra substituição, além de tudo isso que falei. Ou seja, vai levar um tempinho para os episódios começarem a aparecer de fato. Mas vai sair!

Nosso mestre e amigo Iran Morais é quem mestrou a saga que se tornará essa novela. Ele ainda mestra essa campanha e eu ainda estou por lá jogando com a elfa Sharon Siz-Thorien. Devo contar com ajuda dele nessas adaptações e ajustes. Aguardem novidades!

Cordel e Poesia no Aniversário de Maceió

Este ano Maceió festejou seu 206º aniversário. Houve uma grande programação, que incluiu um palco com atividades culturais na quinta-feira (02/12). Abrindo a programação, estava a associação AL RPG Club.

Juntamente com o poeta urbano Peralta da Caim, fui convidado por Jefferson Diniz e Marcus Kelly, da associação, para falar sobre poesia e cordel numa perspectiva nerd.

Foi um grande momento, com declamações e conversas nesse assunto. Jefferson foi que conduziu o momento no palco, junto com a gente. Agradecimento à AL RPG Club na figura dos dois pelo convite e pelo espaço, bem como à Prefeitura e à FMAC, com a Mírian à frente, que organizou o evento.

3ª Fliara

Entre os dias 26 e 28 ocorreu na cidade a terceira edição de sua feira literária. O evento teve uma programação interessante. Mais uma vez a ACALA e a UBE tiveram um estande e houve uma programação própria das entidades durante o evento.

Conseguimos uma tenda para os cordelistas da AALC e convidados, que compartilhamos em 2 dias com artistas da Juventude Conectada. Artistas visuais, em sua maioria, mas havia também outros escritores.

Meus amigos colegas cordelistas Cícero Manoel, Rosana Oliveira e Tony Pessoa compareceram para expor seu material e conversar. Apareceram vários conhecidos também, em visitação.

Foi um evento bom, que poderia ter sido melhor se a chuva não nos perseguisse, chegando com força. Tínhamos algumas mesas bacanas para o domingo também, que infelizmente não puderam se realizar. Uma delas, de que eu participaria, era sobre RPG como ferramenta para ajudar a escrever histórias. Fica para outra oportunidade.

Agradecimento a Marta Eugênea, Jon e Wellington, da Secretaria de Cultura; Ivana, secretária de Educação; Marcus Kelly, Jefferson Diniz e Ramon Dules, da AL RPG Club; e vários outros que contribuíram com o evento.

É muito importante o evento continuar existindo e persistir no calendário cultural da cidade. Os organizadores falaram da intenção de uma 4ª edição ainda melhor ano que vem. Torçamos!

Manifesto Neocordelismo

Publicado inicialmente em fevereiro de 2019.


Acaba de ser lançado o Manifesto Neocordelismo. Concebido por mim e Zé de Quinô, com apoio e contribuições de outros participantes do Laboratório da Rima, este manifesto fala de um novo cordel, que respeita o antigo mas olha para o futuro. Entendemos Literatura de Cordel como cultura e, por isso, viva! O que significa que se mexe, se molda e se expande.

O logo que improvisei para o manifesto representa um chip de computador com um lampião e o Sol, simbolizando a mistura de elementos tradicionais com a tecnologia sem negá-los, mas somando.

A partir de agora também o endereço cordeis.com, que antes redirecionava para o meu site, agora tem uma página apresentando o manifesto e quem o apoia. O manifesto está exposto para leitura simplificada na própria página de seu lançamento e também é oferecido por lá em formato PDF para download. Confira lá como ficou!

Lançamentos de Novembro!

No mês de novembro, dois novos cordéis e um conto renovado! Veja aí:

A Lenda de Aztil

Depois de Talita – Campeã da Terra, é a hora de você conhecer Aztil, um outro super-herói apresentado em um romance de cordel, escrito em setilhas piratas.

Pensando ser um ser humano
 Entrou na cidade Celcity
 De prédios enormes e caros
 Viadutos de belos grafites
 Ao interagir
 Pôde descobrir
 Que tinha poder sem limite

Pois era capaz de voar
 Sua força era além do normal
 Não viu mais pessoas assim
 E assim percebeu, afinal
 Olhando essa gente
 Era diferente
 Ele era alguém especial

Em uma banca de revista
 Abriu uma história em quadrinhos
 De super-herói e pensou
 “Caramba, eu não estou sozinho!
 Também sei voar!
 Eu posso lutar!
 Vou seguir é nesse caminho!”

A Lenda de Aztil está à venda como ebook na Amazon.

O Ataque do Ouriço-Coceira ao Castelo do Rei Camarão

Mais um cordel que brinca com poesia do absurdo. O confronto entre o ouriço e o camarão é narrado em 39 sextilhas. Atenção para a presença feminina na história! As duas praticamente roubam a cena.

Era um reino governado
 Por Rei Camarão Terceiro
 Que lá no fundo do mar
 Já foi grande fazendeiro
 Mas hoje não faz mais nada
 Para ganhar mais dinheiro

Quando ele era bem pequeno
 Um dia ele achou um trevo
 De quatro folhas, capaz
 De deixá-lo bem longevo
 E foi nessa empolgação
 Que iniciou seu acervo

Comprou logo uma fazenda
 Danou a plantar arroz
 Depois foi pra pecuária
 Comprou alguns peixes-boi
 Até construir fortuna
 Foi lá por 2.002

Só que um dia apareceu
 Vindo lá do arpoador
 Um inimigo jurado
 Bem veloz e sem temor
 Desafiar Camarão
 Não foi pra dizer “Alô”

O Ataque do Ouriço-Coceira ao Castelo do Rei Camarão pode ser adquirido como ebook na Amazon e no Google Play Livros.

Prisioneiro do Passado

Um conto relativamente antigo sobre um aventureiro velho e triste lamentando a própria vida à beira de um rio. Ambientado inicialmente em um mundo genérico de fantasia medieval, na revitalização da história ele foi portado para o mundo de Kairot. Este cenário, nunca formalizado como ambientação para RPG, foi utilizado na escrita da antiga história Os Guerreiros do Fogo.

“Já ouviu que um anjo uma vez caído nunca se levanta? Eu nunca fui anjo, mas jamais voltarei a ser nem mesmo parte do que um dia fui.”

O Sol espalha seu brilho apagado, calmo demais. Como a luz de uma vela. Lá está ele, detrás das árvores que, embora verdes, transmitem um tom ligeiramente metálico. A faísca das espadas, a ensurdecedora explosão dos seus choques, são as lembranças mais presentes e não há como fugir delas. Nunca houve. Icleus já tentou fugir e não apenas uma vez. A esse ponto da vida já estava desenganado.

A luz matinal do Sol, à margem do rio, deitado em um gramado divinamente verde. Tudo estava propício, mas a tal da paz não vem, nem mesmo assim.

A nova versão do conto está disponível gratuitamente na 9ª edição do Pulp Zine Castelo, na Biblioteca Cordéis.

Rarefeitos 3

Por fim, este mês teve a volta de um aplicativo antigo, reformulado. Rarefeitos foi escrito inicialmente para Firefox OS, sendo uma cartucheira de efeitos sonoros.

A nova edição foi reescrita do zero, com uma apresentação muito mais interessante e prática. Todos os sons foram substituídos por outros de uso mais geral, disponíveis sob Creative Commons Zero. Além disso, Rarefeitos tem agora a função de temporizador com música de fundo, tornando-o uma companhia perfeita para meus sprints na Twitch!

Diferente das versões anteriores, Rarefeito agora é oferecido como um aplicativo web, acessível em Apps Cordéis!

Apps Cordéis renovado

Reformulei a página inicial do Apps Cordéis, local onde coloco alguns aplicativos web que desenvolvi através do tempo. Está bem mais interessante agora. Você pode acessá-lo via seu endereço apps.cordeis.com ou através do menu de ícones nos círculos no canto superior direito da página.

Entre os aplicativos estão:

  • Jasmim – Não me lembrava deste. Foi uma tentativa de oferecer minha novela de aventura Jasmim como um app para Firefox OS. Não está muito bom de ler no computador, mas no celular até que está legal.
  • Lancelot – Rolador de dados variados, com opção de salvar conjuntos de rolagem, histórico de rolagem, gerador de nomes aleatórios e outras funcionalidades interessantes.
  • RarEfeitos – Mesa de efeitos sonoros variados.

Nameless R1 na Revista de RPGCON

Eu simplesmente perdi o momento em que foi lançada a revista, só hoje encontrei (e já adquiri meu exemplar virtual).

Trata-se de uma revista lançada em sua primeira edição este ano, relacionada ao evento RPGCON, evento que aconteceu virtualmente e que foi muito bom, com muitas mesas e palestrar bacanas. A revista vem como “anais” de evento, trazendo bastante material e um relatório geral do evento.

O microcenário para XR-III Nameless R1 foi publicado dentro da revista. É uma nova versão (para XR-III) do cenário de investigação, alienígenas e sobrenatural. Agora ele vem como um dos 3 cenários oficiais do XR-III e já tenho pelo menos uma ideia para o R2, que ainda não consegui desenvolver.

A revista está com desconto no Dungeonist e tem muito mais conteúdo do que Nameless, valendo muito a pena dar uma olhada.